// Construção Civil no Ceará tem PIB acima da média nacional

Sai ano, entra ano e o cenário de crescimento no setor da construção civil no Ceará parece cada vez mais sólido. Isso é o que garate o Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon) no Ceará. Na quinta-feira (12), o Sinduscon divulgou que a média do Produto Interno Bruto (PIB) no setor cearense cresceu 5,5% em 2011. Para se ter uma ideia, de acordo com o sindicato, a média nacional é estimada em 3,4%.

Essa taxa do PIB coloca o estado acima da média nacional, mostrando o crescimento do setor cearense. E não é preciso ser estatístico ou construtor para perceber essa mudança no cenário no Ceará.

Basta andar por ruas de alguns bairros de Fortaleza, para perceber que a verticalização é cada vez maior. E não são só os prédios já levantadados, em fase de acabamento. Não é difícil ver em bairros como Cocó, Edson Queiroz, Meireles, terrenos com as já conhecidas placas de “plantão de vendas” ou “visite o apartamento decorado”, muitos antes da própria fundação do prédio ter sido iniciada.

Em números, os canteiros de obras passaram de 380 em 2009, para 659 em 2011, quase o dobro. E se há aumento no número de obras, também há aumento no número de postos de trabalhos. Em 2011 foram 15 mil novos postos, somando um total de 60 mil empregados com carteira assinada no estado.

Para o Sinduscon, essa mudança no setor teve apoio nos programas de Aceleração do Crescimento (PAC) e o Minha Casa Minha Vida, os dois lançados pelo Governo Federal.

Mas os 5,5% no crescimento do PIB já foi uma redução em comparação ao PIB de 2010, quando foi registrado o crescimento de 11%. Para 2012, o Sinduscon prevê um aumento na mesma ordem de 2011, ou seja, 5%, tendo em vista as obras de estruturação na capital e estado para a copa do Mundo de 2014.

Fonte: NE 10

Compartilhe nas redes sociais
Highslide for Wordpress Plugin